Na última semana tive a oportunidade de bater um papo com nosso CEO, Elemar Jr sobre o trabalho de estratégia na gestão da inovação e transformação digital que estamos desempenhando em grandes empresas do país.

Novamente começamos o papo falando sobre a importância de se definir as diretrizes estratégicas da companhia, pois são elas que vão servir de orientação para as iniciativas, as definições e os limites que podem ser explorados, o que comumente chamamos de guidelines e guardrails.

Na sequência conversamos sobre as capabilities da inovação, que são 3 (três) macrofases que simplificam, potencializam e aceleram o uso de novas tecnologias e amplificam as tendências. Sendo elas: a descoberta, a disseminação e a absorção.

A fase de descoberta é a fonte de entrada de muitas tecnologias e tendências a serem estudadas e, em uma grande companhia, muitos são os agentes que contribuem nesta jornada, como os clevels ao participarem de convenções e benchmarks com outros executivos, demais colaboradores que tiveram experiências prévias em outras companhias ou que são entusiastas do assunto, times de inovação e grupos de pesquisa internos que frequentemente estudam as tendências e, muitas vezes são assessorados por entidades e consultorias importantes como Gartner, EY, PwC, Deloitte e KPMG e, por fim, não menos importante congêneres e concorrentes.

Ainda na fase de descoberta, onde muitas ideias e oportunidades são levantadas, discutimos a importância de se definir uma ferramenta para gerir e unificar todo portfólio de tecnologias em estudo ou que estão sendo aplicadas na companhia, além de monitorar as novas tendências, identificar quais tecnologias podem ser descartadas. Definida a ferramenta é importante definir critérios de evolução dos projetos e os métodos de avaliação de todas as iniciativas, estruturando assim a estratégia de inovação e/ou transformação digital.

Na sequência da fase de descoberta, inicia-se a fase de disseminação, que tem como principal função familiarizar e facilitar a realização do novo. Esse tema é importante pois nem todos os tomadores de decisão, times e profissionais envolvidos estarão familiarizados com uma nova tendência e por isso é importante realizar workshops, treinamentos, eventos de inovação e benchmarks para nivelar o conhecimento e conseguir estabelecer paralelos entre o serviço prestado e a tecnologia estudada.

Se após a familiarização o projeto ou a tecnologia se mostraram menos atraentes, ele, também, pode ser removido das iniciativas.

Na facilitação são identificados pessoas de negócio para apoiarem os projetos e terem novas ideias de aplicação daquela tecnologia e, principalmente, para conquistar engajamento executivo. Na sequência o projeto fica apto a ser avaliado pelos critérios pré-definidos pela estratégia de inovação.

Concordamos que dependendo do nível de maturidade e conhecimento a facilitação pode ocorrer com os times internos, porém, em um primeiro momento, é prudente trazer especialistas que vão mais rapidamente preparar as tecnologias para a fase de absorção.

A inovação acontece quando se consegue disseminar e absorver, gerando assim, novos negócios. – Elemar Jr

Por fim, discutimos sobre a fase de absorção que é o ápice da transformação digital, quando uma tecnologia foi identificada, estudada, testada e implementada na companhia estando apta a ser adotada e gerar novos negócios, transformar o modelo de negócio ou até criar novos mercados para a empresa.

Obviamente que esse não é uma regra ou um projeto em cascata onde os processos acontecem após a finalização da etapa anterior, pelo contrário, é um modelo bastante ágil onde as iterações são contínuas, as vezes, acontecem em paralelo ou mesmo retrocedem nas fases anteriores para que a equipe ganhe maturidade ou mais familiaridade com a tendência estudada.

Finalizamos discutindo a importância da análise de riscos, internos e externos e falamos um pouco sobre investimentos, custos, ROI e sobre a oportunidade de não apenas desenvolver projetos internos mas avaliar parceiros externos, como instituições, startups e outras companhias, no que chamamos de open innovation. Entretanto, esse assunto vai ficar para uma próxima conversa.

Compartilhe este insight:

Comentários

Participe deixando seu comentário sobre este artigo a seguir:

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

AUTOR

Lucas Rezende
Consultor em estratégias de inovação, sucesso do cliente e desenvolvimento de novos produtos

INSIGHTS EXIMIACO

Planejamento Estratégico

Novos produtos e processos para a transformação digital de seu negócio.

Transformação Digital e Ágil

Transformando resultados com a utilização de recursos digitais e práticas ágeis.
Tech Trusted Advisor, Fundador e CEO da EximiaCo

NOVOS HORIZONTES PARA O SEU NEGÓCIO

Nosso time está preparado para superar junto com você grandes desafios tecnológicos.

Entre em contato e vamos juntos utilizar a tecnologia do jeito certo para gerar mais resultados.

Insights EximiaCo

Confira os conteúdos de negócios e tecnologia desenvolvidos pelos nossos consultores:

Planejamento Estratégico

O Papel do Planejamento Estratégico na Criação de Experiências Inovadoras em Produtos Digitais

Consultor em estratégias de inovação, sucesso do cliente e desenvolvimento de novos produtos
Planejamento Estratégico

Inovação Contínua: O Impacto da Inteligência Artificial na Melhoria de Processos e Produtos

Consultor em estratégias de inovação, sucesso do cliente e desenvolvimento de novos produtos
Planejamento Estratégico

A sua empresa investe na criação de novos produtos digitais?

Consultor em estratégias de inovação, sucesso do cliente e desenvolvimento de novos produtos
EximiaCo 2024 - Todos os direitos reservados
0
Queremos saber a sua opinião, deixe seu comentáriox
()
x

Muito obrigado!

Deu tudo certo com seu envio!
Logo entraremos em contato
WEBINAR EXCLUSIVO
28/02 às 19:30

TENDÊNCIAS
EM TECNOLOGIA

2024

Quais são suas estratégias em tecnologia para este ano?

Neste webinar, Elemar Júnior e o time de consultores da EximiaCo irão apresentar as principais tendências em tecnologia para 2024 e como sua empresa pode atuar para aproveitar as melhores oportunidades.

Quer Inovar? Pergunte-me como!

Para se candidatar nesta turma aberta, preencha o formulário a seguir:

Quer Inovar? Pergunte-me como!

Para se candidatar nesta turma aberta, preencha o formulário a seguir:

Condição especial de pré-venda: R$ 14.000,00 - contratando a mentoria até até 31/01/2023 e R$ 15.000,00 - contratando a mentoria a partir de 01/02/2023, em até 12x com taxas.

Tenho interesse nessa capacitação

Para solicitar mais informações sobre essa capacitação para a sua empresa, preencha o formulário a seguir:

Tenho interesse em conversar

Se você está querendo gerar resultados através da tecnologia, preencha este formulário que um de nossos consultores entrará em contato com você:

O seu insight foi excluído com sucesso!

O seu insight foi excluído e não está mais disponível.

O seu insight foi salvo com sucesso!

Ele está na fila de espera, aguardando ser revisado para ter sua publicação programada.

Tenho interesse em conversar

Se você está querendo gerar resultados através da tecnologia, preencha este formulário que um de nossos consultores entrará em contato com você:

Tenho interesse nessa solução

Se você está procurando este tipo de solução para o seu negócio, preencha este formulário que um de nossos consultores entrará em contato com você:

Tenho interesse neste serviço

Se você está procurando este tipo de solução para o seu negócio, preencha este formulário que um de nossos consultores entrará em contato com você:

× Precisa de ajuda?